.

.

Transformadores

.

Post 103

.

.

Postado:

Fonte:

05/08/22

Somos Diversidade

.

Sou Operador de Cobranças e faço faculdade de Serviços Jurídicos, Cartorários Notariais e de Registro. Eu já tive vários empregos, tanto antes da transição quanto depois, mas tive muitos problemas depois da transição. Era muito difícil encontrar parceiros de trabalho, líderes e chefes que me respeitassem como sou. Muitos deles me chamavam de Lucca, mas ao se referir a mim usavam o pronome feminino e a partir daí ficava complicado o convívio, apesar de sempre corrigir, ouvia bastante coisas como “Tenta ignorar, finge que não ouviu.” Mas sempre foi complicado, porém, com todas as dificuldades eu não desisti e em meio a alguns serviços complicados tive algumas amizades que levei para vida. Quais as maiores conquistas e os maiores desafios em sua vida/carreira? Arranjar um emprego em que eles me respeitam, sabem da minha trajetória, me apoia e até mesmo ofereceu ajuda para retificar meus documentos. Cujo é o emprego que estou agora e consegui através da Transempregos Ser uma pessoa trans foi dificultador ou não teve importância nesta sua trajetória? Foi um pouco, mas aprendi sempre a levantar a cabeça e me impor quanto as minha decisões e mesmo sendo difícil o convívio com algumas pessoas no trabalho, eu não abaixei a cabeça. Para as pessoas e profissionais trans, que recado você deixaria? Lute! Não se deixe abalar com nada e nem ninguém, apenas você sabe sobre suas decisões, vontades, desejos e sonhos. Não deixe nada para trás, não aceite nada que você não queira, você tem o poder para isso, use-o! Para a sociedade, qual recado você deixaria? Que deus abençoe vocês! INSTAGRAM



Compartilhar esta página
 

  • Whatsapp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn


Conteúdo relacionado
 

.

.